Curta Postagem (Pt 3)

21.05.09

A qualquer momento inormando uma coisa que ninguém quer saber.

galisteu

Cara, sou só eu ou essa mulher é ridícula? Sério. Ela deveria ser interessante na época que o Senna deu-lhe uma bimbada, mas ela já passou do prazo de validade do meu saco.

E o que eu peço encarecidamente: No dia em que ela tiver que fazer programa na Praça XV vocês me avisam. Na Band não serve. A menos que seja no Cine Privè, aí tudo bem. ^_^


Curta Postagem (Parte 2)

20.05.09

Enquanto isso, num portal esportivo logo ali cruzando a esquina…

Vai Rubinho!

Escolha a melhor legenda pressa merda:

a) “Ué, os outros corredores desistiram?”
b) “Já sei, Jenson Button resolveu ir pra Fórmula Truck!”
c) “Com a pista que eu tenho, aposto em Coronel Mostarda, na cozinha, com o castiçal! – diz Rubens Barrichello”
d) Legenda é o caralho! Para de kibelocar essa porcaria desse blog!

Opinem aí. 😉


Qual console?

18.05.09

Ultimamente nós, nerds, temos nos deparado com uma dúvida colossal: qual o melhor console atual para gastarmos nosso rico dinheirinho? Devo comprar um Wii, um X-Box 360 ou será que  um PS3 é mais a minha cara?

Com essa dúvida na cabeça, muitos de nós acabam tendo trabalhos magnânimos para poder se decidir, tais como pesquisar jogos de cada plataforma, procurar por revistas especializadas os reviews dos consoles e tudo o mais, no intuito de comprar o video-game que mais se adapte às suas vontades. E nem sempre se acerta.

Pensando nisso, algum desocupado maluco americano resolveu fazer a tabela que lhe apresento, devidamente traduzida, logo abaixo, para facilitar sua vida na compra do console ideal para suas necessidades!

Seus problemas se acabaram-se!

Seus problemas se acabaram-se!

É isso aí, nem precisam agradecer!


Produto estranho

15.05.09

Pros que não sabem minha namorida faz chocolates (muito bem por sinal, e aceita encomendas! É só pedir nos comentários) pra vender numa praça perto da nossa casa. Sabendo dessa fato, saiba também que de vez em quando, mais comumente quando eu não estava trabalhando, vou com ela comprar os chocolates, pra ajudar a carregar, sabem cumé. Então, numa dessas visitas à loja onde vende os produtos, me deparo com a seguinte placa:

o.O

o.O

Mai gódi, atentem para os dois últimos produtos da lista. Percebam que eles tem cocô tanto zille quanto premium! É muito chique mas convenhamos: R$ 6,90 pra uma merda <literalmente> que todo mundo tem de graça não tá muito caro não?



Nerd quer saber de bunda (ou post cata-paraquedista)

12.05.09

Tava dando uma olhada nos stats do blog e percebi uma coisa: os termos mais procurados no blog são harry potter e “tã-dan-dan-dan”: putaria! Isso mesmo, meus queridos, a procura sobre termos tais quais bunda, chupando, sexo, peitos e etcs é enorme. E claro, vai aumentar com esse post. xD

Mas isso é uma coisa que chamou minha atenção. Durante muito tempo os nerds acessavam seus computadores, trabalhavam, jogavam, guardavam fotos escaneadas da Playboy e talz, e eram EXTREMAMENTE zoados por aqueles que os conheciam, e, logicamente, não eram nerds. Mas os nerds, mesmo os que tinham fotos da Playboy originalmente se preocupavam mais em aprender do que em mulheres e sexo. Isso É verdade, meus queridos nerds dos anos 80, não venham fingir que não.

Porém, vendo que hoje em dia as procuras, não apenas aqui, mas em toda interwebs são extremamente maiores por termos sexuais, só consigo pensar em duas alternativas: os nerds evoluíram, conseguiram balancear as coisas e hoje usam todo seu conhecimento internáutico e informático para conseguir inspiração para o sexo manual ou aqueles que zoavam os nerds antigamente, hoje compram computadores com o principal intuito de ver mulher pelada de graça, sem ter que alugar o vídeo na locadora (só quem já passou por isso sabe o quanto é constrangedor alugar um filme da “Seção Proibida” quando já se conhece o(a) dono(a) da locadora há tempos) ou comprar revistas no jornaleiro da esquina, que te conhece desde garoto. Aliás, ajuda também se vc for um garoto(a) e não puder alugar/comprar putarias!

Pensando nisso, cheguei a uma conclusão apenas: as duas alternativas estão corretas! Os nerds estão ajudando os “valentões” e “comuns” a acessarem a internet, entender como se coloca o vídeo no pornotube e tudo o mais, o que significa que, mais uma vez, a putaria une o mundo em paz. Pq o Bush não percebeu isso?

Agora, pra estimular vocês, uma cena de sexo!

Oh Yeah baby! C'mon!!!

Oh Yeah baby! C'mon!!!


Aê, Carrefour!

12.05.09

Tava passeando dia desses com a namorada no Carrefour e decidi comprar uns cd’s do Blackmore’s Night (devidamente recomendado o Under a Violet Moon, pra quem curte medieval, ok?) e me deparei com a seguinte placa:

Coletânias? Será a Reforma Ortográfica?

Coletânias? Será a Reforma Ortográfica?

Cara, se ainda fosse no mercadinho da esquina da minha casa nem falava nada, mas porra, Carrefour é mega grande. E vou dizer: essa placa ficou lá por MUITO tempo. Se bobear tá até hj. -___-” Agora uma brincadeirinha, que eu quero ver se vc é inteligente: Quantos CD’s você reconhece?


Indagações

8.05.09

Tenho acompanhado um novo blog, e estive pensando: blogar é uma arte. Não, sério, pensem comigo: O cara pesquisa, pensa,  se informa sobre o assunto, e aí elabora todo um texto, humoristico ou não sobre aquilo. Cara, isso não é pra qualquer um não. Mas mesmo assim, pessoas sem talento (como eu) tentam arduamente, esperando o dia em que alguém dará um tapinha em suas costas e dirá: 

"Hey 'Fynn", tá ficando bom, companheiro!"

"Hey 'Fynn', tá ficando bom, companheiro!"

Eu sinceramente não sei se tenho o talento pra blogar, mas adoro escrever. Acontece uma porrada de coisas todos os dias e a primeira coisa que eu penso é: “Cacete, nem creio que isso tá acontecendo”, e meia hora depois: “Porra, sabe que isso seria perfeito pra tirar as teias de aranha do blog? o.O”. Só que, de uns tempos pra cá, eu não tenho postado, o que me leva à segunda iluminação divina que eu tive só hoje, e antes da hora do almoço, veja só: blogar depende do seu grau de posse financeira e enrolamento amoroso. Pq pensa só:  Quando vc é só um nerd sem namorada e sem trabalho, você tem tempo, um monte de merda na cabeça e ninguém pra quem contar pq, afinal, vc é nerd e todos sabemos que nerd não tem amigos. Sendo assim, o nerd em questão (no caso você) cria um blog, despeja toda sua falácia lá e ponto! Mesmo que ninguém leia aquela porra, pelo menos ele escreveu e se libertou daquele assunto. Agora, a coisa muda de figura quando posses financeiras e namorada se juntam na vida de um nerd. Ô se muda.

Quando o nerd trabalha, ganha um troquinho e ainda não tem namorada, ele gasta tudo com jogos, gibis, dvds, bonequinhos e trocentas outras coisas pra falar mais ainda no blog. Agora, se ele tem namorada, é outra história: ele vai sair, vai comprar presentes, e claro, fica sem tempo pra escrever sobre tudo isso, afinal ele gasta seu tempo livre dando bitoquinhas e outras coisas que prefiro não comentar.

 

"Não Penny, escolha somente um de nós"

"Não Penny, escolha somente um de nós"

Resumindo esse post totalmente sem noção e sem rumo, podemos dizer então que, pra se ter um blog bem sucedido e regularmente atualizado não se pode ter a combinação dinheiro+namorada. Mas namorada, que esposa fica em casa, e rola tempo de dar uma reclamada no blog ^_^

PS: A dúvida que não quer calar, se blogar é uma arte, somos todos artistas. Um mais talentosos, outros menos, uns originais, outros não. Pensando nisso, seria a blogosfera o macaco da novela das 7 e o Kibe Loco o Marcos Pasquim?

Óun... Que fofo *_*
Óun… Que fofo *_*

A propósito, o nome do novo blog é Que Diabos, e pra chegar lá é só clicar aqui.

 


Sacanagem…

28.03.09

Meu trabalho é extremamente estressante e cansativo. Portanto, sometimes, eu simplesmente dou uma parada com tudo e abro o emulador de SNES para jogar algo, seja Super Metroid, Mário ou mesmo Campeonato Brasileiro.

Acontece que, há alguns dias atrás, eu tava jogando com meu querido Flamengo,  e passei pela situação de levar dois cartões amarelos numa mesma partida. E NÃO SER EXPULSO.

Além dos cartões, ainda chamam o cara de Ronalda. Será que já sabiam dos travecos?

Além dos cartões, ainda chamam o cara de Ronalda. Será que já sabiam dos travecos?

Depois desse print aí, ele ainda tomou mais um cartão. E continuou não sendo expulso. Ah…. Como eu adoro jogos bugados. Quando são a meu favor, claro.


Êta povin bunda!

30.10.08

Olá pessoa, tudo bem? Não? Ah, ok. Não, não precisa me contar seus problemas não, perguntei só por educação mesmo. ^^

Mas enfim, legal te ver aqui no blog. Primeira vez? Legal, senta aí, se acomoda, vc vai gostar. O que? Ah, tu já tinha vindo aqui antes? Que bom então que vc tá de volta, senta aí no teu lugar de sempre, que já vamos começar a putaria, ok?

Então vamos lá.

Você, por um acaso, conhece um lugar chamado Zé da Doca? Não, não é uma pessoa, é um lugar mesmo. Fica láááááááá no Maranhão. Então, na última quarta feira, uns policiais rodoviários fizeram uma merda lá e atiraram num cidadão que, segundo os homi, tinha furado um bloqueio policial e atirado neles. Eles até levaram o cabra pro hospital da cidade, mas ele preferiu ir ver capim crescer por baixo da terra. O povo de lá, claro, disse que ele era trabalhador, que não fazia nada de errado e que ele até era bonitinho. Calma, não fique tão impressionado: sei que isso não costuma acontecer no Brasil, mas vamos dar um desconto, afinal não era nem seu parente.

Qual seria o precedimento correto num caso deste, você sabe dizer? Pois eu te conto: seria aberta uma sindicância contra os policiais, para averiguar o caso e, caso comprovado que realmente foram culpados de atirar no moço (já assumiram que sim) e que realmente foi intencional, eles tomaram nos respectivos briocos e aí “justiça seria feita”. Pode não ser a solução que você quer, mas é a solução legal.

Pois bem, o problema foi o seguinte: o povo lá de Zé da Doca (não consigo aceitar esse nome. Sério) não gostou muito do que os policiais fizeram e resolveram tomar uma decisão diplomática: vamos quebrar a cidade toda! É isso mesmo, leitor(a), os putos resolveram quebrar a merda da cidade toda.

Vamo quebrar tudo!

Vamo quebrar tudo!

Quebraram o hospital, viraram e queimaram carros e essa putaria toda. Detalhe? O hospital que os manés quebraram era o ÚNICO da região. E isso mostra que brasileiro tem mais é que se fuder de verde e amarelo mesmo, sem sombra de dúvidas!!! Eu imagino esses manés conversando:
– Porra, tu soube? Mataram bem um homi lá na BR 316.
– Oxente bixin! Sério mesmo? Tu conhecia o cabra?
– Oxi! Tô falânu, homi? É verdade! Eu num conhecia não, mas tô afim de fazer um balbúrdio!
– Hehehe. Vai ser du bão mermo. Mas o que vamu fazer? Vamo quebrá o hospital? Eu tenho prano di saúde!
– Opa! Simbora!

E foi assim que começou a merda toda. Aí, daqui a uns dias, nem uma semana, alguém vai precisar MUITO do hospital, ele não vai estar em 100% da capacidade, a pessoa acaba morrendo e aí, o que eles fazem? Simples! Quebram o hospital!

Êta povin que merece o que sofre, sabia?